Guarde seu coração, pois ele é a fonte da vida "Filho meu, dá-me o teu coração".

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

PARÁBOLA DO SEMEADOR


As parábolas de Jesus
Os conteúdos das parábolas de Jesus revelam aos homens o coração de Deus. Por amor, Jesus buscava fazer com que todos entendessem sua mensagem salvadora. Jesus aproveitava o conhecimento dos homens para lhes ensinar palavra de Deus. As Parábolas ilustram os ensinamentos de Cristo de maneira prática, de maneira que todos pudessem entender.
As parábolas constituem histórias do mundo físico,  com significado do mundo espiritual.  Exemplos:  “O Semeador”
As parábolas de Jesus tornam humilde um coração orgulhoso.

Semeando a boa semente em solo fértil
Se temos a boa semente, mas o solo não é fértil, ela pode se perder... Se o solo é fértil, mas a semente é ruim, a árvore produzirá frutos podres.Por isso é preciso combinar a semente com o solo.
Sejamos a boa semente em solo fértil...
Eis que o semeador saiu a semear
"Naquele mesmo dia, Jesus, tendo saído de casa, sentou-se perto do mar; e se reuniu ao seu redor uma grande multidão do povo; por isso ele subiu num barco, onde se sentou, todo o povo estando na margem; e lhes disse muitas coisas por parábolas, falando-lhes desta maneira:
Aquele que semeia, saiu a semear; e, enquanto semeava, uma parte da semente caiu ao longo do caminho, e vindo os pássaros do céu a comeram. Outra caiu nos lugares pedregosos onde não havia muita terra; e logo nasceu porque a terra onde estava não tinha profundidade. Mas o Sol tendo se erguido em seguida, a queimou; e, como não tinha raízes, secou.
Outra caiu nos espinheiros, e os espinhos, vindo a crescer, a sufocaram. Outra, enfim, caiu em boa terra, e deu frutos, alguns grãos rendendo cento por um, outros sessenta e outros trinta.
Que ouça aquele que tem ouvidos para ouvir". (Mateus, cap. 13, 1 a 9)
"Escutai vós, pois, a parábola do semeador.
Todo aquele que escuta a palavra do reino e não lhe dá atenção, o espírito maligno vem e arrebata o que havia sido semeado em seu coração; é aquele que recebeu a semente ao longo do caminho.
Aquele que recebeu a semente no meio das pedras, é o que escuta a palavra, e que a recebe na hora mesmo com alegria; mas não tem em si raízes, e não está senão por um tempo; e quando sobrevêm os obstáculos e as perseguições por causa da palavra, a toma logo como um objeto de escândalo e de queda.
Aquele que recebe a semente entre os espinhos, é o que ouve a palavra; mas em seguida, os cuidados deste século e a ilusão das riquezas sufocam em se essa palavra, e a tornam infrutífera.Mas aquele que recebe a semente numa boa terra, é aquele que escuta a palavra, que lhe presta atenção e que dá fruto, e rende cento, ou sessenta, ou trinta por um".

Nenhum comentário:

Postar um comentário